Presidência da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil



Rua Senhor dos Passos , 202 V andar - Centro
CEP 90020-180 - Porto Alegre /RS - Brasil
Telefone(s): (51) 3284-5400
presidencia@ieclb.org.br
ID: 2275

Carta Pastoral da Presidência da IECLB - Outubro de 2020

19/10/2020

 

CARTA PASTORAL DA PRESIDÊNCIA DA IECLB

Outubro – 2020

Trabalhem para o bem da cidade para onde eu os mandei como prisioneiros. Orem a mim, pedindo
em favor dela, pois, se ela estiver bem, vocês também estarão
” (Jeremias 29.7).

Irmãos e irmãs na fé: outubro de 2020 é o mês do trigésimo segundo Concílio da Igreja. A previsão era de estarmos em Cacoal, no Sínodo da Amazônia, celebrando 50 anos de presença da IECLB naquela região. Neste ano, sob a ameaça do novo coronavírus, o XXXII Concílio acontecerá através de plataforma online.

O tema do Concílio é: Viver o Batismo – Fortalecer a Esperança. A pandemia de Covid-19 não tirou de nós a possibilidade de sermos fortalecidas e fortalecidos na fé. Vamos realizar este grande encontro e irradiar para toda a IECLB a esperança para viver a fé a partir do Batismo.

A ocasião do Concílio é uma boa oportunidade para destacar o modelo de funcionamento da nossa Igreja. A IECLB tem um modelo sinodal de organização. Neste modelo de estrutura, as Comunidades estão unidas pela identidade confessional e por objetivo comum. Comunidades e Paróquias juntas formam um Sínodo. Na IECLB, temos 18 Sínodos que abrangem todo o território brasileiro. Da união das Comunidades, Paróquias e Sínodos resulta a IECLB.

O Concílio da Igreja é o órgão soberano da IECLB e se ocupa com temas que visam a realização da Missão de Deus. Ele é formado por delegados e delegadas dos 18 Sínodos, representantes de instituições e setores de trabalho, Pastoras Sinodais e Pastores Sinodais, Conselho da Igreja e Presidência da IECLB, além da Presidência do próprio Concílio. Também integra o Concílio o SecretárioGeral, que tem direito a voz, mas não a voto.

As decisões no Concílio começam na Comunidade. Se queremos propor algo para a nossa Comunidade, dialogamos na Comunidade à luz da Palavra de Deus e pedimos, em oração, sabedoria e discernimento. O Presbitério ou a Assembleia da Comunidade tomam a decisão. Se queremos propor algo para a Paróquia, dialogamos na Comunidade e encaminhamos ao Conselho Paroquial, que toma a decisão. Se a proposta diz respeito ao Sínodo, a Paróquia encaminha moção para a Assembleia Sinodal, onde todas as Comunidades do Sínodo estão representadas. Se a proposição é para toda a IECLB, a Assembleia Sinodal encaminhará moção ao Concílio da Igreja, onde todos os Sínodos estão representados. 

Esta forma de decisão pode representar um longo caminho. Não é tão rápido, é verdade. Mas, para que as pessoas e as instâncias possam dar sua opinião, precisamos seguir estes passos. Podemos propor coisas novas e mudar decisões do passado, porém é necessário seguir as etapas previstas. Neste caminho democrático foi organizada a instituição IECLB. Nenhuma pessoa sozinha, nem um grupo sozinho pode mudar ou impor mudanças. Nem a Presidência da IECLB tem poder absoluto para promover ações e mudanças sem seguir os passos estabelecidos pela Constituição e pelo Regimento Interno da Igreja.

A palavra bíblica, lema deste mês, fala da relação do povo judeu com a cidade da Babilônia. As pessoas foram levadas de Israel como prisioneiras de guerra. Longe de sua terra, longe do templo de Jerusalém, a vida se tornou muito complicada. Havia ressentimento e raiva. O profeta Jeremias apela para uma nova relação, transmitindo a mensagem de Deus: “Trabalhem para o bem da cidade para onde eu os mandei como prisioneiros. Orem a mim, pedindo em favor dela, pois, se ela estiver bem, vocês também estarão”.

A Palavra de Deus estimula uma cidadania responsável, lá onde vivemos. Assim também deve ser na Igreja. Como membros da IECLB, podemos aprender da Palavra de Deus e fortalecer a vivência da fé na Comunidade, onde somos membros. Ali, na Comunidade, Deus nos chama pelo Batismo e nos dá a tarefa de trabalhar pelo bem da Comunidade e da cidade na qual ela está inserida. Não estamos como prisioneiras e prisioneiros na Comunidade, mas como como pessoas livres, libertadas por Deus para servir em amor.

Desde a sua origem, a IECLB é caracterizada pela diversidade de pensamentos. Diversidade, quando acompanhada do diálogo, possibilita crescimento. O diálogo acompanhado pela Palavra de Deus cria e mantém a unidade. Que possamos dialogar e procurar acolher opiniões distintas. Isso é parte da riqueza da IECLB!

Dirigimo-nos a vocês, membros da IECLB, clamando para que orem especialmente pelo Concílio da Igreja, que acontecerá entre os dias 23 e 25 de outubro. Que possamos trabalhar com dedicação e amor, colocando nossos dons a serviço do Evangelho, vivendo o batismo e promovendo esperança. “E o Deus da esperança encha vocês de toda alegria e paz na fé que vocês têm, para que sejam ricos de esperança no poder do Espírito Santo” (Romanos 15.13).

Saudações em Cristo,

Pa. Sílvia Beatrice Genz
Pastora Presidente

P. Odair Airton Braun
Pastor 1º Vice-Presidente

P. Dr. Mauro Batista de Souza
Pastor 2º Vice-Presidente


Âmbito: IECLB / Instância Nacional: Presidência
Natureza do Texto: Vários
Perfil do Texto: Carta
ID: 59484

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Um pregador deve fazer três coisas: ler a Bíblia com afinco, orar de coração e permanecer um discípulo e aluno.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
A Palavra bem pode existir sem a Igreja, mas a Igreja não existe sem a Palavra.
Martim Lutero
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br