Mateus 9.35-10.8 - 3º Domingo Após Pentecostes - 18/06/2023

15/03/2023

18/06/2023 - 3º Domingo Após Pentecostes
Prédica: Mateus 9.35-10.8
Leituras bíblicas: Êxodo 19.2-8a * Salmo 100 * Romanos 5.1-8
Pastora Camila Laís Karsten - Par. Leste Matogrossense

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
“Vistam-se de justiça os teus sacerdotes, e exultem os teus fiéis”. Salmo 132.9
Bom dia/Boa tarde/Boa noite... Com as palavras do salmo para esta nossa semana e na certeza que a Palavra de Deus enche nosso coração de alegria e felicidade, nos reunimos em culto. Culto é comunhão, encontro e reunião do povo com Deus. É diálogo, é entrega e amor fraterno.
Com os corações abertos e a mente no Senhor, aqui estamos!
Acolhemos as pessoas que nos visitam, sejam bem vindas. Que todas as pessoas se sintam bem e acolhidas nesta casa de Deus.

CANTO DE ENTRADA
Nº 22 - LCI – Os teus servos reunidos

SAUDAÇÃO
Nos reunimos na certeza da presença do nosso Trino Deus, que é Pai, Filho e Espírito Santo (+). Amém.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
Nº 03 - LCI – Deus Trino

CONFISSÃO DE PECADOS
Jesus nos ensina a sermos pessoas humildes, e é dessa forma que devemos nos achegar diante de Deus. Por isso agora, em oração silenciosa, confessemos a Deus os nossos pecados: (Deixar um tempo para orações pessoais silenciosas).
Oremos: Senho, nosso Deus! Teu Filho Jesus se aproximou das pessoas de seu tempo e sentiu profunda compaixão por elas, ao perceber que estavam dispersas e exaustas como ovelhas que não tem pastor. Perdoa-nos quando nos distanciamos das pessoas ou quando fechamos os olhos para não enxergar sua situação de sofrimento, angústia e solidão.
Senhor, teu Filho se aproximou das pessoas para anunciar a elas a boa nova do evangelho, para ensinar-lhes a vontade de Deus, que se manifesta como amor e justiça, e para curá-las de suas dores e enfermidades. Perdoa-nos quando nos fechamos em torno de nós mesmos, quando contribuímos com o sofrimento de outros e ajudamos a manter um mundo desumano e desigual, de modo que tua imagem e semelhança não podem ser mais reconhecidas nos rostos das pessoas.
Senhor, teu Filho convocou pessoas como discípulas para que elas pudessem colaborar com sua missão de orientar pessoas no bom caminho e restaurar junto a elas vida digna e abundante. Perdoa-nos quando nos isentamos de nossa responsabilidade e queremos que tu resolvas os problemas que nós ajudamos a criar.
Preenche-nos com teu Espírito, restaura nossa fé e nossa disposição para o serviço às pessoas mais carentes, confusas e exaustas, para que nosso testemunho possa ser percebido como um sinal do teu reino, que quer ganhar espaço neste mundo. Por Cristo Jesus, nosso Senhor e Salvador, Amém! (PL 47 p.205).

ANÚNCIO DO PERDÃO
Deus responde à nossa confissão de pecados assim como respondeu ao profeta Isaías: “Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou o teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a minha destra fiel” Is 41.10. Teus pecados foram perdoados, em nome de Deus Pai, Filho e Espírito Santo (+). Amém.

KYRIE
Perdoados por Deus, somos chamados a clamar pelas dores em nosso mundo. Jesus viveu no meio do povo e enxergou um povo andando sem rumo, sem esperança, sem sentido na vida, como se fossem ovelhas sem um pastor. Clamamos a Deus pelas pessoas que tem fome, pelas que passam por doenças e pelas que vivem com a violência... Clamamos a Deus pelas dores do mundo:
Nº 56 - LCI – Pelas dores deste mundo

GLÓRIA IN EXCELSIS
Deus ouve o clamor do seu povo e nunca os abandona, certamente Ele ouviu o nosso clamor e em seu tempo, agirá! Certos do cuidado e do amparo de Deus, pois sempre está conosco, quando o invocamos é que queremos fazer/ouvir a leitura do Salmo previsto como leitura para este 3º domingo após pentecostes. 1ª Leitura Bíblica do Salmo 100.

ORAÇÃO DO DIA
Deus amado, como é bom e agradável estarmos reunidos na Tua presença. Te agradecemos os exemplos e ensinamentos que Jesus Cristo nos deixou de forma tão simples. Que nós possamos receber as leituras bíblicas, a pregação, as orações, os hinos... enfim este culto todo da melhor forma possível. Para isso acalme nossos corações e mentes. Que possamos meditar e refletir sobre nossas ações e atitudes e que nos transformemos em pessoas melhores. Por Cristo Jesus, nosso Senhor e Salvador, que vive contigo e com o Espírito Santo, de eternidade a eternidade é que oramos e agradecemos. Amém.
Nº 165 - LCI – Estou pronto, Senhor

LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
2ª Leitura Bíblica: Êxodo 19.2-8a
3ª Leitura Bíblica: Romanos 5.1-8
Aclamamos o Santo Evangelho de pé, cantando Aleluia:
Evangelho de Mateus 9.35 – 10.8
Que a graça, a paz e o amor de Deus, estejam presentes em nossos corações. Amém.
Estimada Comunidade. De que forma a nossa comunidade é conhecida aqui no bairro/cidade? Como as outras pessoas nos veem? (incentivar as pessoas a responderem)
O texto de pregação para este nosso domingo é o evangelho de Mateus. E ele nos convida a meditarmos sobre estas perguntas. O tema da nossa igreja para este ano nos diz: IECLB. Igreja de Jesus Cristo. O que isso quer dizer para nossa comunidade? Jesus é o nosso alicerce, nossa base, nosso mestre, somos seus discípulos e suas discípulas e fazemos o mesmo que Ele fez, ou pelo menos deveríamos!!
A perícope do evangelho de Mateus é uma ponte do ministério de Jesus (9.35-38) para o ministério das pessoas enviadas por Jesus a grande seara do Senhor (10.1-8). A intenção é afirmar que as pessoas enviadas para a seara do Senhor devem se inspirar na atuação de Jesus, ter a atuação de Jesus como referência e modelo e, assim, dar continuidade à obra iniciada por ele. Se Jesus percorria as cidades e povoados ensinando, pregando o evangelho do reino de Deus e curando toda sorte de doenças e enfermidades, olhando para as multidões, percebendo sua aflição e seu desamparo, e tendo compaixão delas (9.35s), então as pessoas enviadas à seara do Senhor também deverão curar toda sorte de doenças e enfermidades, expelir espíritos imundos (10.1), procurar as ovelhas perdidas da casa de Israel, pregar a proximidade do reino de Deus, curar enfermos, ressuscitar mortos, purificar leprosos e expelir demônios (10.7s).
Uma vez definido o propósito de uma comunidade, o próprio Jesus já via suas dificuldades. O mundo age como ovelhas sem um pastor, as pessoas estão perdidas, sem rumo... É tarefa dos discípulos e discípulas de Cristo se colocar a disposição e olhar com compaixão a todas as situações. Sabemos que isso é uma tarefa nada fácil, pois poucas são as pessoas que realmente se dispõem a isto. Jesus diz: A colheita é grande mesmo, mas os trabalhadores são poucos (V.37b).
Toda pessoa cristã, por Deus batizada, é chamada e vocacionada para de forma voluntária se colocar a serviço de Deus e do seu reino. Toda pessoa cristã recebeu de Deus autoridade divina para fazer o que Jesus fazia. Ter um olhar crítico em relação à realidade, analisar e perceber o que se passa na sociedade e na vida das pessoas, ir ao encontro das pessoas para ensinar e pregar o evangelho do reino de Deus, curar doenças e enfermidades, expulsar forças malignas, impedir que pessoas morram, principalmente por causa de fome, doença e violência...
Como igreja e como pessoas cristãs precisamos ter consciência disso, ter um olhar especial de compaixão pelas pessoas desamparadas, caídas e prostradas como disse Jesus e se colocar a serviço de Deus e das pessoas, de forma gratuita e voluntária. Quanto mais pessoas fizerem isso, quanto mais formos comunidades que praticam o cuidado diaconal, mais pessoas serão ajudadas e poderão ter uma nova condição e realidade de vida. Mais pessoas vão conhecer e desfrutar a realidade do reino de Deus ao qual Jesus deu início, e que propõe salvação e vida digna para todos.
Que possamos em nossa vida pessoal e comunitária assumir verdadeiramente o nosso compromisso feito no batismo, servir as pessoas com nossos dons e ser comunidade que olha com compaixão a realidade a sua volta. E que assim sejamos vistos e conhecidos pelas outras pessoas. Que o Espírito Santo de Deus nos dê coragem nesta tarefa, amém!

HINO
Nº 576 - LCI – Jesus, pastor amado

CONFISSÃO DE FÉ
Em resposta a pregação, confessemos nossa fé, com a palavras do Credo Apostólico:
Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
Nº 605 - LCI – Momento Novo


ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________
Bondoso Deus, graças te rendemos por este momento de culto. Gratidão pela nossa vida, por nossa saúde, por nossa família, pessoas amigas que vivem conosco. Obrigado pelo pão de cada dia e teu agir bondoso e amoroso em nossas vidas. Obrigado por ser grandioso, por estar em todos os tempos e lugares e com sua forte mão, cuida e ampara a cada um de nós.
Senhor, intercedemos por todos os motivos que nos causam dor e sofrimento. Pedimos pelo nosso mundo e as pessoas que nos governam, que façam isso com discernimento e responsabilidade. Pedimos por nossa Igreja, ministros, ministras, lideranças e membros de nossa comunidade. Pedimos que essas pessoas continuem firmes na fé, na esperança e no amor. Intercedemos pelas pessoas doentes, internadas em hospitais, pessoas que se sentem sozinhas, abandonadas, pessoas necessitadas... Que Tu, ó Deus, esteja com cada uma das situações e com cada uma das pessoas que aqui nomeamos e lembramos, seja aquilo o que cada qual necessita!
Continue nos abençoando e protegendo, leva-nos em segurança aos nossos lares, ou para onde quer que formos, estejas conosco. Entregamos tudo em tuas mãos quando juntos oramos a uma só voz como Jesus Cristo nos ensinou:
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Que a benção do Deus de Sara, Abrão e Agar, que a Benção do filho nascido de Maria. Que a benção do Santo Espírito de amor, que cuida com carinho qual mãe cuida da gente, esteja sobre todos nós (+). Amém.

ENVIO
Vamos com a paz que o nosso Senhor nos dá, e sirvamos a Ele em amor. Abençoado domingo.

CANTO FINAL
Nº 301 - LCI – Bênçãos virão


Autor(a): Pastora Camila Laís Karsten
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 69889
REDE DE RECURSOS
+
Quem persiste na fé, verá, ao final, que Deus não abandona os seus.
Martim Lutero
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br