Deus mantém suas promessas

Senhas diárias

26/05/2021

SENHAS DIÁRIAS - 26.05.2021
Eclesiastes 3.14 – Eu sei que tudo o que Deus faz dura para sempre; nada podemos acrescentar e nada podemos tirar.
Romanos 11.29 – Deus não muda de ideia a respeito de quem ele escolhe e abençoa.
Não há como contestar Deus. Isso é verdade! Também não há como mudar os planos de Deus sem que Ele queira ou permita. O autor de Eclesiastes sabe muito bem que Deus é Senhor sobre tudo e todos. É uma questão de fé pessoal ou comunitária. Dentro do âmbito da fé temos a certeza de que tudo está nas mãos de Deus e o que Ele decidir está decidido. Não do ponto de vista da tirania do poder, mas do fato, segundo a fé, que Deus é Senhor. Isso é um descanso para cada pessoa que crê, pois sabemos que apesar de poder absoluto de Deus, Ele não fará qualquer coisa que nos prejudique e cause nossa destruição. Tudo o que Ele faz dura para sempre e isto está firmado no seu amor incondicional pelo ser humano. Algo quase incompreensível para nossa limitada percepção. Asim, nossa paz está em firmarmos a fé na ação misericordiosa do Senhor por nós. É como se Deus estivesse limitado pelo seu amor e pela incapacidade de fazer o mal e nos prejudicar. Sua vontade é de renovar céus e terra e dar um novo tempo para nós. Ninguém pode mudar isso. Louvado seja Deus.
Paulo sabia disso. Muito melhor do que nós hoje. Assim ele define a rejeição momentânea de Israel para que a salvação chegasse aos gentios. Sua escolha e bênção sobre o povo de Israel há de manter-se até o final. Também nesse ponto a fé é fundamental e decisiva. Apesar de toda a infidelidade deste povo para com Ele, e com seus semelhantes, ao longo de toda a história, a crença de Paulo é de que virá o redentor para libertar Israel de si mesmo e para que ele participe do novo tempo. Tudo isso porque Deus não muda de ideia a respeito de quem Ele escolhe e abençoa. Deus também nos escolheu em Cristo Jesus. Isso é motivo de alegria sem fim, pois nunca seremos rejeitados pelo Senhor. Sua palavra está firmada em Jesus, o Cristo de Deus. É como se Deus não tivesse a capacidade e poder de recuar em sua escolha e determinação primeira. Louvado seja o amor e a misericórdia do Senhor. Se mostraram definitivas e decisivas na morte e ressurreição de Cristo. Confiemos nisso e vivamos segundo seus propósitos, pois eles são vida e bênção para cada uma e cada um de nós. P. Luiz Carlos


Autor(a): P. Luiz Carlos
Âmbito: IECLB / Sinodo: Sudeste / Paróquia: Rio Claro (SP)
Área: Confessionalidade / Nível: Confessionalidade - Prédicas e Meditações
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 62726
REDE DE RECURSOS
+
Desde o nascer até o pôr do sol, que o nome do Senhor seja louvado!
Salmo 113.3
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br