Uma espiada na vida de nossos estagiários e nossas estagiárias

Faculdade Luterana de Teologia

12/09/2021

foto01
foto02
foto03
1 | 1
Ampliar

Existe um período ao longo do estudo da Teologia em que a prática se encontra com a teoria, e o que se estudou precisa se comprovar na vida: o tempo de estágio! Na FLT, o estágio acontece no 6º semestre. Durante cinco meses, de agosto a dezembro, estudantes vão para comunidades e se inserem nos mais diversos campos ministeriais (pastoral, missionário, diaconal, capelania hospitalar), onde têm a oportunidade de desenvolver mais intensivamente, na prática, assuntos apreendidos na sala de aula. É o período que o estudante tem a possibilidade de refletir teologicamente os desafios religiosos e socioculturais que emergem da sua inserção na comunidade em seu amplo contexto, desenvolvendo assim seus dons e habilidades relativos aos diversos ministérios.

Nesse semestre, 13 estudantes encontram-se no estágio. Ana Carolina Grigull (oriunda de Ituporanga) está na Comunidade Terapêutica CERENE (unidade de São Bento do Sul, para dependentes químicos) e compartilha que “apesar de um mesmo vício, cada acolhido é único, traz sua própria história, traumas e lutas. A Palavra de Deus é recebida de diferentes formas para cada um. Alguns com um anseio enorme, outros com negação. Fato é que a necessidade de Deus, do evangelho, do perdão e da graça é imensa”.

Já para o portelense Lucas Ulrich (está em São José, na Comunidade Luterana de Campinas), “o estágio tem sido um tempo de desafios e de muitas bênçãos. Desafios por estar em um contexto totalmente diferente do meu de origem, e ao mesmo tempo, tem sido um tempo de bênçãos, pois posso perceber o cuidado de Deus, refletido por meio de pessoas, gestos e na paz que vem por meio da Palavra dEle”.

O estudante Felipe Axt, de Pirabeiraba, que está em Tenente Portela/RS, escreveu: “Mesmo em tempo de pandemia, pude realizar cultos, ensino confirmatório e até mesmo, participar nos programas de rádio; algumas experiências são novas. É legal ver que os planos feitos na Faculdade podem ser aplicados no dia a dia da vida pastoral. As pessoas anseiam muito por visitas ... Conversar, ouvir o outro, buscar estar junto dos membros é algo que quero no futuro, e por quê, já não, começar agora?”.

Para Lucas Tübel, também de Pirabeiraba, que está na Comunidade Luterana de Barreiros, São José, impressiona muito o trabalho realizado com refugiados da Venezuela: “as pessoas são muito bem recebidas na igreja ... onde diversas famílias já são parte da comunidade e que agregam nela seus dons”.

Somos gratos aos mentores/as e às comunidades de vários Sínodos da IECLB e distritos da MEUC, bem como comunidades cristãs no exterior (Chile, Paraguai, Moçambique e principalmente Alemanha), que todo ano acolhem e acompanham estagiários e estagiárias da FLT, auxiliando, dessa forma, na formação de futuros ministros e ministras.

Pedimos a você, que lê essas linhas, que não esqueça de incluir nossos estagiários e nossas estagiárias em suas orações. Que seja tempo de bênçãos e crescimento!
 

COMUNICAÇÃO
+
ECUMENE
+
Deus é maior do que o nosso coração e conhece todas as coisas.
1João 3.20
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br