Sínodo Rio Paraná



Rua Independência , 2107 - Centro
CEP 85902-015 - Toledo /PR - Brasil
Telefone(s): (45) 3252-2799 | (45) 3055-2711 | (45) 3252-2799
sinodorpr@uol.com.br
ID: 17

Placas fotovoltaicas são instaladas na sede do Sínodo Rio Paraná

Mais uma alternativa sustentável é implantada na sede Sinodal. Maior parte dos recursos são provenientes da Mission EineWelt

19/05/2022

Sede do Sínodo Rio Paraná
Sede do Sínodo Rio Paraná
Sede do Sínodo Rio Paraná
1 | 1
Ampliar

A Sede do Sínodo Rio Paraná, localizada em Toledo, tem apresentado o cuidado com a criação de Deus desde o processo de construção. O prédio de três andares inaugurado em 2012, tem sistema de recolhimento de água de chuva que abastece todos vasos sanitários do prédio e implantado o sistema de aquecimento solar de água. E nesta semana mais uma alternativa energética foi instalada: as placas solares fotovoltaicas.

O incentivo para a instalação das placas aconteceu em 2019, durante a Consulta e Simpósio realizado com a IECLB e Igreja Da Baviera (Alemanha), em Foz do Iguaçu. A temática tratava sobre questões ambientais, com o abrangente tema: “agrotóxicos e a Criação de Deus”. A partir do encontro, foi disponibilizado aos Sínodos a possibilidade de desenvolver projetos para a instalação dos sistemas fotovoltaicos para as suas sedes.

Em abril de 2020, já na pandemia, o Sínodo Rio Paraná enviou o projeto por intermédio do Núcleo de Projetos da IECLB e recebeu aprovação. A maior parte dos recursos para a instalação das placas são provenientes da Mission EineWelt – VA/KED (Desenvolvimento e Missão da Igreja Evangélica Luterana na Baviera) e cobrem cerca de 80% do valor total investido. Os outros 20% serão assumidos pelo Sínodo.

O cuidado e o respeito com a criação é uma das formas de testemunhar o amor de Deus. A IECLB, desde a década de 1990 está comprometida com pautas relacionadas à sustentabilidade do Planeta e incentiva ações que promovam este cuidado. O Pastor Sinodal, Afonso Weimer, destaca que o sistema de energia solar instalado vem complementar alternativas energéticas utilizadas na sede. “Acredito que a partir desta iniciativa e investimento mostramos que é possível fazer pequenos gestos e queremos estimular comunidades e paróquias para iniciativas semelhantes.”

O Ministro ainda lembra que atitudes semelhantes são testemunhos cristãos: “E Deus viu que isso era bom” repete o autor do Gênesis na criação de Deus. Nossa tarefa é ajudar para que permaneça boa a criação de Deus. Não há sentido em dizer que ama a Deus e desprezar e não cuidar do que Ele criou e nos concedeu como bênção (Gênesis 1.28-31).”

Benefícios do sistema:

O sistema implantado produzirá energia a partir da luz solar. Quanto maior a incidência de radiação solar, maior será a quantidade de energia produzida. A tecnologia é considerada uma fonte sustentável, limpa, renovável e uma fonte de energia alternativa. Além do fator sustentabilidade, outra vantagem é a redução do valor da fatura da conta de energia. Com a instalação, a sede passa a “produzir” a sua própria energia o que, consequentemente, gera economia.


Autor(a): Assessoria de Comunicação - Sínodo Rio Paraná
Âmbito: IECLB / Sinodo: Rio Paraná
Área: Sustentabilidade / Nível: Sustentabilidade - Justiça socioambiental
ID: 67060

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Deus não se afasta de ninguém, pois está em toda a parte.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Tu és o meu Senhor. Outro bem não possuo, senão a ti somente.
Salmo 16.2
© Copyright 2022 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br