História do povo evangélico luterano


ID: 2927

Escritos perdidos. Vida e obra de um imigrante insurgente - Johann Georg Klein (1822-1915)

23/08/2022

Capa Escritos perdidos
Convite-Lançamento Picada 48
Convite-Lançamento Sapiranga
Convite-Lancamento-POA
Convite-Lancamento-SL
1 | 1
Ampliar

Escritos perdidos
Vida e obra de um imigrante insurgente
– Johann Georg Klein (1822-1915) –

João Biehl & Miquéias Mügge
 

Escritos perdidos, publicado pela Editora Oikos, conta a história de vida do imigrante Johann Georg Klein, nascido há 200 anos em Womrath, na Prússia Renana. Klein se estabeleceu em 1852 na Colônia de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, e aqui atuou como colono, professor primário e pastor evangélico-luterano.

Por ocasião de seus estudos no seminário de Kirn, ainda na Alemanha, Johann Georg Klein produziu um extenso comentário bíblico-teológico, em escrita Sütterlin, com o título Vom Katechismus. No decorrer de sua vida, Klein utilizou as páginas em branco de sua obra para registrar outros escritos, que revelam o cotidiano dos colonos alemães no sul do Brasil, as intrigas e lutas políticas e seu comprometimento com o debate público e a fé luterana.

Este manuscrito foi companheiro inseparável de Johann Georg Klein, servindo como sustentação teórica em suas atividades como professor e pastor evangélico nas Comunidades de Leonerhof (Sapiranga), Bom Jardim (Ivoti), Picada 48 e Picada Café. “Carregando as esperanças e os conflitos de seu tempo, Vom Katechismus é de uma preciosidade inigualável”, escrevem Biehl e Mügge. Após ter sido cuidadosamente mantido pela família de Klein depois de sua morte em 1915, o “misterioso” manuscrito imigrante foi guardado pelos descendentes de Leopoldo Petry, em Novo Hamburgo.

Por muitos anos, o autor de Vom Katechismus foi considerado o arquiteto da Guerra Mucker, um conflito fratricida que assolou as comunidades teuto-brasileiras da região de São Leopoldo entre 1868 e 1874. A partir de uma meticulosa pesquisa, os autores entrelaçam o misterioso manuscrito e a vida atribulada do autor-viajante, “em uma narrativa original e inteligente a respeito de um dos principais personagens da Guerra Mucker”, escreve João José Reis (UFBA), um dos mais respeitados historiadores brasileiros.

Conforme Luís Augusto Fischer, crítico literário e professor da UFRGS, “a vida de Johann Georg Klein é aqui recriada, em profundidade e vivacidade… Trata-se de um livro exemplar, que combina a cuidadosa técnica historiográfica e a virtuosa sensibilidade antropológica, e que se deixa ler como um ótimo romance”.

Com o apoio dos Sínodos Rio dos Sinos e Nordeste Gaúcho, teremos quatro lançamentos do livro neste mês de agosto, para os quais gostaríamos de convidar:
23/08, às 19h, na igreja da IECLB na Picada 48 Baixa, Lindolfo Collor
24/08, às 19h, no Auditório Jacobina Maurer, Secretaria Municipal de Educação, Sapiranga
25/08, às 19h, no Goethe-Institut, em Porto Alegre
27/08, às 10,30h, no Museu Histórico Visconde de São Leopoldo, em São Leopoldo

Informações: www.oikoseditora.com.br; vendas@oikoseditora.com.br
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Vivemos rodeados da bênção de Deus e não nos damos conta disso.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Arrisco e coloco a minha confiança somente no único Deus, invisível e incompreensível, o que criou o céu e a terra.
Martim Lutero
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br