Bom ou ruim?

11/05/2021

 

Bom ou ruim? Fato é que a pandemia deu uma chacoalhada no mundo, revelando virtudes e falhas. Observamos cenas comoventes de humanidade, serviço e amor ao próximo. Da mesma forma, de maneira descarada, revelou-se interesses malignos e muita corrupção. Infelizmente, há gente que se aproveita da miséria alheia, revelando assim o coração miserável que carregam no peito. De maneira geral, as pessoas sentiram-se abaladas ou, pelo menos, desacomodadas. Mais do que nunca, a fé, a religião e as igrejas revelaram seu valor, ajudando a dar firmeza e superar a crise. Também, como luteranos aqui em Garuva, precisamos nos adaptar. Do físico, tentamos nos ajeitar do melhor jeito possível no virtual... Após anos, a programação na rádio comunitária recuperou seu prestígio, sendo usada inclusive para transmissão de cultos (novidade). Gradualmente, num vai-e-vem com limitações, voltamos aos encontros presenciais. Todavia, o virtual ficou agregado, levando nossas celebrações para dentro dos lares. Uma maravilha! Está certo que falta o abraço e a conversa frente a frente. Mas, tanto o louvor, quanto a pregação continuam atingindo corações. Na chacoalhada da pandemia, infelizmente algumas famílias desagregaram da nossa comunidade. Na verdade, eram pessoas que há muito tempo estavam descontentes e, por isso, não só estavam infelizes, como também, incomodavam aos demais. Por persuasão, eles carregaram outros, os quais – creio eu – com o tempo vão se dar conta da bobagem que cometeram ao se excluírem da comunidade, retornando à antiga casa. Por outro lado, uma surpresa: Em número bem maior do que o daqueles que saíram – alguns ex-luteranos, outros desigrejados ou descontentes em sua denominação – procuraram e se vincularam à nossa comunidade. Por fim, houve um acréscimo de pessoas que escolheram comungar conosco. Os cultos de quinta (outra novidade) e também nos fins de semana estão mais “avivados”. Percebe-se na comunidade a alegria em estar junto e servir, mesmo com distanciamento sendo aplicado, com máscara e higienização constantes. Somos imensamente gratos a Deus por sua guarda e direção nos “tempos atribulados”. Mesmo que eles apresentem suas dificuldades, acabaram tornando-se ricas oportunidades. “Também nos gloriamos nas tribulações, porque sabemos que a tribulação produz perseverança que, por sua vez, traz um caráter aprovado e, por fim, a esperança. Não nos decepcionamos, porque Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do Espírito Santo (Romanos 5.3-5). Glórias ao Senhor!


Autor(a): P. Euclécio Schieck
Âmbito: IECLB / Sinodo: Norte Catarinense / Paróquia: Garuva-SC (Martinho Lutero)
Área: Confessionalidade / Nível: Confessionalidade - Prédicas e Meditações
Testamento: Novo / Livro: Romanos / Capitulo: 5 / Versículo Inicial: 3 / Versículo Final: 5
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 62422
REDE DE RECURSOS
+
Antes de vocês pedirem, o Pai de vocês já sabe o que vocês precisam.
Mateus 6.8
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br