Cuidado com a Criação



ID: 2691

Reflorestamento de nascente é realizado pela Paróquia da Serra

500 anos de história e um gesto para o futuro

17/09/2017

Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
Plantio de Árvores - Serra
1 | 1
Ampliar

A Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, por meio da Paróquia da Serra (ES), realizou no dia 17 de setembro de 2017 o plantio de 150 árvores nativas próximo a uma nascente em um sítio particular localizado no mesmo município.

Este evento ocorreu em comemoração aos 500 anos da Reforma Luterana e faz parte do calendário de atividades do Sínodo Espírito Santo a Belém, alinhadas à decisão da última Assembleia Sinodal, com compromisso de reflorestar e realizar ações de recuperação da natureza. Esse foi um compromisso assumido pela Igreja devido à grande seca que tem afetado o nosso estado nos últimos tempos. É uma forma de contribuir e também incentivar a preservação da natureza.

Antes do plantio foi realizada uma celebração pela Pastora Fernanda Pagung Reinke, em que noventa pessoas estiveram presentes. Crianças, jovens, adultos e idosos colocaram a mão na terra e plantaram não só uma muda de árvore, mas também a esperança de um mundo mais verde para o futuro.

Se eu soubesse que o mundo acabaria amanhã, hoje eu plantaria uma macieira (Martim Lutero).


Autor(a): Lúcio Fábio Schrock - Presidente da Paróquia da Serra
Âmbito: IECLB / Sinodo: Espírito Santo a Belém
Área: Sustentabilidade / Nível: Sustentabilidade - Justiça socioambiental
ID: 43938

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Se a Palavra desaparecer, o mundo fica escuro. Aí ninguém mais sabe onde se abrigar.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Um cristão não pode ser ofendido a tal ponto que não possa mais perdoar.
Martim Lutero
© Copyright 2017 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br