Cuidado com a Criação



ID: 2691

Agroecologia e troca de coordenação no seminário do Galo Verde

16/09/2017

Fébio Mayer - Seminario Galo Verde
Johannes Gerlach e Clóvis Lindner - Seminario Galo Verde
1 | 1
Ampliar


O BRASIL VIVE um dos piores cenários mundiais quando o assunto é aplicação de defensivos agrícolas. Campeão mundial de consumo de agrotóxicos há dez anos ininterruptos, o celeiro agrícola chamado Brasil apresenta um estado de contaminação geral do seu meio ambiente. Como resultado, cada brasileiro come 5,2 quilos de agrotóxicos por ano.

A terrível realidade alimentar brasileira erguida sobre o agronegócio tem saída? Para o engenheiro agrônomo Fábio André Mayer tem. “O desenvolvimento sustentável é capaz de suprir as nossas necessidades sem comprometer a capacidade de atender às necessidades das futuras gerações”, ele garante.

Especialista em agricultura familiar, a saída perfeita para o cenário de agressão química ininterrupta é a produção sustentável de alimentos. “Além de reduzir substancialmente o uso de agrotóxicos e de adubos químicos, essa forma de produção multiplica em centenas de vezes o emprego no campo.

Engenheiro agrônomo do Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia-CAPA, Fábio Mayer foi a atração principal do 5º Seminário do Galo Verde. O encontro de ambientalistas da igreja aconteceu no Centro de Eventos Rodeio 12, no sábado 16 de setembro.

Mayer sabe bem do que está falando. Responsável por esse trabalho no Núcleo Pelotas/RS do CAPA, a entidade presente em cinco núcleos no Rio Grande do Sul e no Paraná tem dado apoio a famílias de agricultores que produzem segundo o receituário da agroecologia.

Além de Fábio, o biólogo José Sommer e o naturalista Nélcio Lindner, antigos colaboradores do Galo Verde, também expuseram o dramático cenário envenenado da agropecuária brasileira.

Durante o encontro, os participantes também ouviram o emocionado depoimento do pastor Guilherme Lieven sobre o avançado andamento do programa de gestão ambiental do Centro de Eventos Rodeio 12. 

Entre outros resultados, a casa reduziu seu boleto de energia elétrica em mil reais mensais graças a medidas simples, como a adoção de lâmpadas LED e censores de presença. Árvores estão sendo plantadas e identificadas; água aquecida com energia solar jorra das torneiras da cozinha; os resíduos são rigorosamente separados; e o agrotóxico foi praticamente banido da instituição.

Rodeio 12 também planeja formação ambiental para a comunidade do entorno e seminários para lideranças comunitárias voltados para a sustentabilidade ambiental.

Ao final do encontro, o fundador e coordenador do Programa Ambiental Galo Verde desde 2013, pastor Clovis Horst Lindner, passou a coordenação para o físico e ambientalista Johannes Gerlach. “Após quase cinco anos na coordenação, faz muito bem que novas ideias, novos ares e novos rumos conduzam o Galo Verde”, disse Lindner ao passar o bastão a Gerlach. O novo coordenador reside em Paulo Lopes/SC com sua esposa, a ambientalista Maria Velasco.
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Mesmo que não sejamos cristãos tão bons como deveríamos ser, e somos ignorantes e fracos tanto na vida como na fé, Deus ainda assim quer defender a sua Palavra, pela simples razão de ser a sua Palavra.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Que todo o meu ser louve o Senhor e que eu não esqueça nenhuma de suas bênçãos!
Salmo 103.2
© Copyright 2017 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br