Luteranos em Contexto



ID: 2650

Jardins de Lutero

Jardim de Lutero - Casa Matriz de Diaconisas a
Jardim de Lutero - Casa Matriz de Diaconisas b
Jardim de Lutero - Casa Matriz de Diaconisas
Jardim de Lutero - Comunidade Apóstolo Pedro de Jaragua
Jardim de Lutero - Comunidade Bom Pastor Joinville
Jardim de Lutero - Comunidade Bom Retiro do Sul
Jardim de Lutero - Comunidade de Canoinhas - fonte IECLB Canoninhas
Jardim de Lutero - Comunidade de Canoinhas b - fonte IECLB Canoninhas
Jardim de Lutero - Comunidade de Irineópolis - Canoinhas - fonte IECLB Canoinhas
Jardim de Lutero - Comunidade de Isabel Alto
Jardim de Lutero - Comunidade de Rio Negrinho
Jardim de Lutero - Comunidade Martim Luther de Jaraguá
Jardim de Lutero - Comunidade Rio Novo
Jardim de Lutero - Comunidade São Lucas de Jaraguá
Jardim de Lutero - Lar Ebenezer - fonte Jornal O Caminho
Jardim de Lutero - Paróquia Litoral Nordeste
Rosa de Lutero - Chiapetta-RS
Jardim de Lutero - Sínodo Nordeste Gaúcho - Igrejinha
Jardim de Lutero - Sínodo Sudeste
Jardim de Lutero - Vale do Iguaçu - fonte Jornal o Caminho
Jardim de Lutero - Wittemberg - então Pastor Presidente Altmann com representante Igreja de Zambia
Jardim de Lutero em Wittenberg - fonte luthergarten.de
Jardim de Lutero em Wittenberg - plantio árvore da IECLB - fonte luthergarten.de
Jardim de Lutero em Wittenberg b - fonte luthergarten.de
Jardim de Lutero em Wittenberg c - fonte luthergarten.de
Jardim de Lutero em Wittenberg d - fonte luthergarten.de
1 | 1
Ampliar

No dia 20 de setembro de 2008, o presidente da Federação Luterana Mundial, Rev. Mark Hanson, lançou a pedra fundamental do Jardim de Lutero (Luthergarten) na Alemanha, em Wittenberg, cidade onde nasceu a Reforma. Na ocasião, o Bispo Hanson afirmou que o Jardim é expressão concreta da declaração da FLM de que “Confessamos uma única igreja, santa, católica e apostólica, com o objetivo de servir a unidade da Igreja.” Para ele, trata-se de um “jardim, algo permanente, mas ainda não finalizado, que estará em constante crescimento, simbolizando a vitalidade da Reforma e sua influência em todo o mundo”. O objetivo é enfatizar a importância ecumênica da comemoração dos 500 anos e reforçar as relações ecumênicas.

O Jardim de Lutero deverá conter 500 árvores, representando os 500 anos da Reforma (1517-2017), em nove fases de construção. A IECLB tem uma árvore (nº 156) que a representa neste jardim. Trata-se de uma Prunus padus – Traubenkirsche, plantada em 18 de julho de 2010 pelo então Pastor Presidente Walter Altmann, sob a palavra bíblica do Salmo 24.1 “Ao Senhor pertence o mundo e tudo que nele existe; a terra e todos os seres vivos que nela vivem são dele”.

Na IECLB a ideia tomou forma através de várias iniciativas sinodais, com a distribuição de mudas e incentivo de criação de jardins em cada Comunidade evangélica de confissão luterana. Veja algumas iniciativas.
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Ser batizado em nome de Deus é ser batizado não por homens, mas pelo próprio Deus.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Procurem a ajuda do Senhor. Estejam sempre na sua presença.
Salmo 105.4
© Copyright 2017 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br