Prosperidade?

28/02/2018

A igreja no mundo passa por uma época interessante. Outrora, a piedade era o maior desejo do crente. Hoje, aparentemente há uma busca maior pelos benefícios que a fé pode trazer. As pessoas não desejam tanto a presença de Deus, mas o que podem ganhar na relação com Deus. Será que isso está correto? Na antiguidade, certo monarca atravessava uma região pantanosa, carregando consigo um tesouro. Com ele seguiam muitos soldados e servos. O atoleiro foi se tornando insuperável. Um a um, os animais de carga foram atolando e morrendo de exaustão. É óbvio, os poucos que sobravam eram sobrecarregados e assim também desfaleciam. Em risco de morte, pelos atoleiros e possível rebelião dos súditos, o rei exclamou: Agora é o seguinte... Cada um por si! Tentem salvar a sua própria vida. Mas... E o tesouro? Perguntou um servo. Peguem e carreguem com vocês o que quiserem. Disse o rei. Eu também vou tentar salvar a minha vida! Feito doido, a turma se atirou e começou a lutar pelo ouro. O rei a tudo assistia apavorado. Era um toma-lá-dá-cá. Mas, devagar, cada um ajuntou um pouco e tomou seu rumo. Então, o rei calmamente pegou sua mochila e seguiu pela trilha, no que observou que um escravo franzino o seguia. Parou e perguntou: O que você quer? Não sobrou nem uma moeda pra ti? O escravo ajoelhou-se diante do rei e disse: Não me importo com o ouro. Eu quero ficar junto com sua majestade! Do escravo fica uma lição aos cristãos modernos... O que é mais interessante: Seguir Jesus ou apenas se aproveitar dele? Leia Mateus 6.21: Onde está o teu coração também está o teu maior tesouro!


Autor(a): P. Euclécio Schieck
Âmbito: IECLB / Sinodo: Norte Catarinense / Paróquia: Garuva-SC (Martinho Lutero)
Área: Confessionalidade / Nível: Confessionalidade - Prédicas e Meditações
Testamento: Novo / Livro: Mateus / Capitulo: 6 / Versículo Inicial: 21
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 46083
REDE DE RECURSOS
+
Jesus Cristo diz: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim.
João 14.6
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br