Marcos 13. 24 – 37 - 1º Domingo do Advento - 03/ 12/ 2017

10/07/2017

ACOLHIDA: Bom dia! Boa noite! Acolho a comunidade reunida neste 1º Domingo do Advento com as palavras do Salmo 85.7 “Mostra-nos, Senhor, a tua misericórdia e concede-nos a tua salvação”.
Vivemos tempos difíceis. Mas Deus nos abençoa com mais um Tempo de Advento. Em Deus, encontramos força para erguermos a cabeça e nos fortalecermos mutuamente em sua Palavra Redentora. Não há motivo para medo nem desânimo. O tempo do Advento reaviva nossa esperança na vinda do Senhor, na promessa de dias melhores coma paz e ajustiça de Deus.
CANTO DE ENTRADA: 308- HPD 2 – Advento é tempo de preparação
LITURGIA DE ENTRADA
SAUDAÇÃO: Celebramos este culto em nome do Deus Criador, em nome do Filho Emanuel, Deus conosco e em nome do Espírito Santo, que nos encoraja e anima a crer nas promessas de Deus. Amém.
CANTO DE INVOCAÇÃO: 349 – HPD2 – Louvemos todos juntos
CONFISSÃO DE PECADOS:
(Sugiro que cada membro receba um galho seco para, em reflexão de confissão, depositar em um pote de barro ou algum outro utensílio diante do altar, o seu galho. Estes galhos no momento do anúncio da absolvição serão incinerados.)

Como galhos secos que carecem da seiva da planta para que brote e encha de folhas e flores. Assim carecemos do perdão e da misericórdia de Deus. Com os galhos secos que recebemos, queremos fazer um instante de silêncio e, olhando para os galho seco, refletirmos nossa vida, nossas atitudes diante do nosso próximo diante de Deus. Sabemos que nem sempre tudo corre bem e o pecado está em nós, por isso confessemos os nossos pecados individualmente ao Senhor. E em seguida depositemos o nosso galho seco no pote que está no altar.
ANÚNCIO DO PERDÃO: Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Por isto, alegrem-se, e recebam o perdão em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

KYRIE: Por ainda haver tanta injustiça neste mundo, por ainda haver pessoas que se afastam da presença de Deus é que vemos tanta violência, guerras, discriminação, tanta pobreza e miséria. Jesus disse que veio ao mundo para que nós tenhamos vida, e a tenhamos em abundância. Por isso, vamos pedir a Deus que tenha pressa em enviar o Reino que será justo a todos. Queremos fazer isso cantando: Pelas dores deste mundo....

GLÓRIA IN EXCELSIS: Deus vem a nós, mais uma vez neste tempo do Advento, para nos dar a sua paz. Exaltemos o nome do Senhor o nosso Deus cantando:
/: Glória! Glória! Glória a Deus nas alturas!
Glória, glória, paz entre nós, paz entre nós! :/

ORAÇÃO DO DIA: Querido Deus, gratos somos por mais uma vez podermos nos reunir em culto, de forma especial neste primeiro domingo do ano Litúrgico. Que este tempo de Advento nos ajude a silenciar e ouvir os teus avisos e pedidos. Faça com que possamos perceber e refletir sobre o que está acontecendo ao nosso redor. Permita que hoje possamos ouvir a palavra do Teu Advento e assim refletirmos, vivenciarmos e anunciarmos a Tua santa mensagem que é vida e esperança para os que creem. Amém.
LITURGIA DA PALAVRA
LEITURAS BÍBLICAS:
1ª Leitura Bíblica: Isaías 64. 1 - 9
2ª Leitura Bíblica: 1 Coríntios 1. 3 - 9
3ª Leitura Bíblica: evangelho de Marcos 13. 24 - 37
CANTO INTERMEDIÁRIO: 379 – HPD 2 – Estou pronto, Senhor
PREGAÇÃO: Marcos 13. 24 - 37
A graça do nosso Senhor Jesus Cristo o amor de Deus o Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam entre nós, abrindo mentes e corações para acolher a palavra da pregação. Amém.
As palavras da pregação de hoje estão baseadas no Evangelho de Marcos 13. 24 – 37, vamos ouvir a leitura.
Depois de ouvirmos as palavras do evangelho talvez muitos de nós devem ter pensado: - Nossa!
São palavras fortes, palavras que chamam a nossa atenção. Para os seguidores de Jesus Cristo, estas palavras não são aterrorizantes, mas palavras que mostram esperança e a alegria de podermos ver novamente o Senhor. A palavra “vigiar” tem um destaque especial, mas o que afinal ela quer dizer?
Neste contexto a palavra “vigiar” quer nos alertar para que, do mesmo modo como Jesus partiu, ele voltará para a salvação. Por isso somos convidados a vigiar, orar, preparar constantemente a nossa vida e coração para a chegada do Senhor. E isso não é motivo para pânico!
Assim como ficamos ansiosos à espera de uma visita muito desejada ao nosso lar, e para isso nos preparamos e ficamos constantemente olhando para a rua para ver se já está chegando. Assim cabe a nós nos prepararmos para a chegada do Senhor! Organizarmos nosso coração, nossa vida...
As grandes desigualdades, as injustiças, o individualismo, a realidade de que milhares de pessoas não tem o que comer, o mal uso dos dons, tudo isso faz com que pessoas experimentem o mundo, como um mundo de desamor. Este mundo, assim como é, não é o reino de Deus. E conforme a vontade de Deus, ele deve desmoronar para dar lugar ao Reino de Deus.
No entanto, as palavras do evangelho querem mais do que preparar para o fim do mundo e descrever como será, através destas palavras Jesus quer que estejamos preparados para tempos difíceis. Poderão vir dias de crise como as que já temos, e talvez ainda maiores, mas que em momento nenhum percamos a esperança no Salvador.
Quantas vezes já ouvimos e até mesmo falamos que: “Esse mundo não tem mais jeito! Com tanta roubalheira, países em crise, guerras, mentiras o distanciamento das famílias das Igrejas e de Deus”! Mas lhe digo, querida comunidade, essa afirmação não é verdadeira. Tudo isso já existia e perpassa por toda a história da humanidade sempre de novo.
Quando dizemos que não tem mais jeito, é por que estamos conformados com o que vai mal, e não nos articulamos para que hajam mudanças. Mas Deus quer mudanças e é justamente por isso que estas palavras de hoje nos deixam incomodados. Pois Deus exige de nós atitude concreta.
O profeta Isaías escreve em Isaías 64. 8 “Mas tu, ó Senhor, és o Pai, nós somos o barro, tu és o oleiro, todos nós somos feitos por ti.”
A vontade e a bondade Deus sempre de novo nos moldam, como o oleiro molda o barro. Isso só acontece quando nós permitimos que Deus nos molde através do seu amor e misericórdia.
Na história do povo de Deus sempre foi e ainda hoje é muito fácil nos desviarmos da sua vontade. Deus nos quer presentes na vida comunitária, nos momentos de culto e comunhão. Quantos de nós, hoje mesmo, pensaram: “há, não vou ao culto hoje”. E arrumaram muitos motivos para não vir, alguns não vieram, mas outros estão aqui. E é assim que começa, nos distanciamos da palavra de Deus, depois da sua vontade. Os nossos filhos nem conhecem um convívio comunitário, pois nós os privamos disso! Como vão conhecer a vontade do Senhor?
É, querida comunidade, em muitos momentos nós nos desviamos da vontade de Deus, aí precisamos de fortes conselhos sobre a necessidade de vivermos em honestidade, justiça, comunhão e oração. E como é difícil para nós mudarmos de vida, como é difícil largarmos ás tentações do mundo, a preguiça, a cobiça, o individualismo, a ostentação, para vivermos o que este tempo do Advento nos propõe. De prepararmos em nosso lar, na nossa vida espaços de amor, ternura, espiritualidade, para a chegada do Salvador, aquele que realmente pode mudar nossa vida por toda a eternidade.
Deixemos Deus ser o oleiro da nossa vida, a exemplo do barro vamos nos entregar completamente nas mãos do Deus oleiro para ele nos moldar. Tornemo-nos vaso novo através da Palavra e dos Sacramentos do Senhor, que estes quebrantem nosso coração e nos transformem num povo novo. Amém.
CANTO: 194 – HPD 1 – Como tu queres, Senhor
CONFISSÃO DE FÉ:
CANTO PÓS CONFISSÃO: (motivação para o recolhimento das ofertas)
05 – HPD 1 – Erguei os arcos triunfais

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO:
Motivos de oração:
1.Aniversariantes:
2.___________________________________________________
3.___________________________________________________
Gratos Senhor, que viestes a nós neste culto. Gratos, pela orientação que recebemos através da tua Santa Palavra, que anima e orienta na jornada da vida. Concede que saiamos daqui animados, para viver conforme tua vontade em nossa vida pessoal, familiar e comunitária.
Intercedemos Senhor, por todos os que sofrem, pelos desanimados, sem esperança, pelos solitários, pelos enlutados, pelas pessoas que estão com sua saúde fragilizada __________________________ e tantos outros irmãos nossos que não foram nomeados. Fortaleça e anime os em sua fragilidade.
Intercedemos pelas nossas famílias, que em nosso lar sempre haja diálogo e respeito mútuo.
Intercedemos pelos aniversariantes deste mês, que suas vidas sejam ricamente abençoadas por Ti.
Intercedemos pelos nosso governantes, que entre eles haja respeito, justiça e dignidade ao governarem esta nação.
Faz Senhor que a mensagem do teu Advento se transforme em motivo de esperança. Que o Espírito Consolador e Animador se faça sentir na vida de cada um de nós. Os demais pedidos mais íntimos incluímos na oração que Jesus Cristo nos ensinou. Pai Nosso...

AVISOS:
Próximo culto: ______/_______/_______ às ____:_____horas.
Ofertas do último culto: R$ _____________ destinado para_______________________
Outros avisos:___________________________________________________________

LITURGIA DE DESPEDIDA
BÊNÇÃO: O Senhor te abençoe e te guarde,
O Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti,
O Senhor sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz. Amém
ENVIO: Agora vão em paz e preparem com alegria a vinda do nosso Salvador!
CANTO FINAL: 118 – HPD 1 – Deus vos guarde pelo seu poder
 


Autor(a): Pa. Mariza E. Neuberger
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 43001
REDE DE RECURSOS
+
Vocês foram batizados para ficarem unidos com Cristo e assim se revestiram com as qualidades do próprio Cristo.
Gálatas 3.27
© Copyright 2017 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br