João 1.29-42 - 2° Domingo após Epifania - 15.01.2017

Caderno de Cultos 2017

15/01/2017

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
Bom dia/ Boa noite!
Como é bom nos unirmos aqui, em mais uma celebração, um encontro com nosso Deus e com nossos irmãos e irmãs na fé. Que bom que vocês vieram. A Palavra bíblica do Salmo 119.73 nos lembra “Ó Deus, as tuas mãos me criaram e me formaram; dá-me entendimento para que eu possa aprender as tuas leis.” É a partir dessa certeza que aqui estamos, somos filhos e filhas amados e amadas por Deus e aqui buscamos conhecer a lei/mandamento/vontade de Deus em toda sua profundidade para segui-la de todo o coração.
Sejam todos e todas bem vindos e bem vindas.
Acolher os/as visitantes

CANTO DE ENTRADA
320 – HPD 2 – Espírito Santo de Deus

Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
Que a graça do nosso Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus, o Pai, e a comunhão do Espírito Santo, seja com todos e todas. Amém.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
338 – HPD 2 – Onde dois ou três

Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS
Querido Deus, com a alma de joelhos nos chegamos a Ti, para te confessar nossa culpa, nosso pecado, que pesa em nós dia e noite. Pecado esse que comentemos contra Ti, quando nos afastamos da tua Palavra, que cometemos contra o nosso semelhante, quando nos afastamos da tua Palavra. Pois é a tua Palavra que nos ensina, exorta, repreende, que também nos purifica, nos anima, nos encoraja, nos traz a paz. Perdoa-nos, pois pecamos porque somos frágeis e limitados, não conhecemos o teu amor em toda sua plenitude e por isso falhamos sempre de novo. Perdoa-nos porque não confiamos plenamente na tua Palavra e não deixamos ela conduzir nossa vida. E junto com esse perdão, renova-nos, transforma-nos em pessoas melhores, em cristãos melhores, é o que ansiamos do fundo do nosso ser. Por Cristo Jesus é que nos oramos. Amém.

ANÚNCIO DO PERDÃO
Em João 1.29 nos é dito “Aí está o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.” Nesta palavra encontramos o perdão dos nossos pecados, o Cordeiro de Deus, Jesus Cristo, nos libertou e liberta do pecado que dia a dia nos assola. Se assim crermos, assim será. Amém.

KYRIE
Nosso grande clamor como pessoas cristãs é pela paz, para que a mesma reine nos corações humanos. A mesma paz que Jesus deu aos seus discípulos e deixou a nós. Neste mundo repleto por tanta dor e sofrimento, por tanta injustiça, por tanta incredulidade, por tanta falta de paz, nós queremos clamar a Deus pedindo por sua compaixão, seu olhar cuidadoso e de misericórdia sobre seu povo, sua criação, que geme e sofre, clamar pelas dores do mundo causadas por mãos humanas, mas também pelas dores causadas pela força da natureza, onde muitas pessoas também sofrem, clamemos cantando

... Pelas dores deste mundo....

GLÓRIA IN EXCELSIS
Glória seja dada ao nosso Deus criador, ao Filho, nosso Salvador e ao Espírito Santo, nosso santificador, cantemos louvores lembrando que “ontem ele foi, hoje ele é e haja o que houver, sempre ele será”

... Ontem, hoje e sempre... (474 – HPD 2)
ORAÇÃO DO DIA
Querido e bondoso Deus, agradecemos por teu amor, que nos cuida e orienta diariamente. Sentimos teu amor e teu cuidado desde antes de nascermos e, através da morte e ressurreição de teu Filho, nos acolhe e oferece vida e salvação. Pedimos que teu Santo Espírito nos conceda corações e mentes abertas para ouvir tua mensagem de amor e cuidado, recebendo-a com respeito, alegria e gratidão. Por Jesus Cristo, que contigo e com o Espírito Santo vive e reina, de eternidade a eternidade. Amém.


LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS

Nos lembra o salmista, “A tua palavra é lâmpada para guiar os meus passos, é luz que ilumina o meu caminho”, nessa certeza, ouçamos as leituras previstas para este fim de semana.

1ª Leitura Bíblica: Isaías 49.1-7

2ª Leitura Bíblica 1 Coríntios 1.1-9

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
381 – HPD 2 – Pela palavra de Deus

PREGAÇÃO
Vamos acolher o texto do Evangelho de João 1.29-42, de pé e aclamando com o Aleluia

João 1.29-42

Que a graça e a misericórdia de Deus, que vai além da nossa compreensão humana, guarde nossos corações e mentes em Cristo Jesus. Amém.

Certa vez li uma história que mexeu muito comigo, tentei achá-la na internet, mas não obtive êxito, sendo assim, vou tentar descrever parte dela.
A história falava de uma doença muito grave que havia atingido muitas pessoas de um mesmo lugar, como uma epidemia. Apenas uma criança não havia sido atingida por essa doença. Essa criança possuía em seu sangue anticorpos capazes de resistir a essa doença. Após muitos exames e testes científicos os médicos chegaram a conclusão de que o sangue daquela criança poderia curar todas aquelas pessoas que estavam infectadas. A notícia animou a todos e todas. Os médicos, porém, não havia se dado conta de que com o grande número de pessoas infectadas e o doador sendo apenas uma criança, era preciso que a criança doasse todo o seu sangue para salvar a vida daquelas pessoas.

Confesso que não recordo do final, ou se ela termina na parte em que apenas uma pessoa/criança poderia salvar muitas pessoas. Mas lembro que a conclusão da história era: e você, deixaria seu filho morrer para que muitas pessoas fossem salvas? Deus fez isso por você, ele deixou seu filho morrer para te salvar.

Ao ler o texto de João logo lembrei dessa pequena história. Por quê?

Aí está o Cordeiro de Deus, apenas essas poucas palavras revelam esse grande amor de Deus por todos nós, pois nos lembra que Jesus foi sacrificado para nos dar perdão e nos reconciliar com Deus, para nos dar a promessa da salvação.

Desde o Antigo Testamento era comum animais serem sacrificados, isso acontecia como forma de cada pessoa pedir perdão a Deus pelos seus pecados e de sua família. Especialmente no livro de Êxodo, quando o povo se preparava para celebrar a Páscoa, a recomendação é de que um cordeirinho sem defeito seja usado para celebrar a Páscoa e para marcar a festa da libertação do povo de Israel, que viveu escravo no Egito por muito tempo. Somente no novo testamento que esta prática se perde, porque Jesus é o último cordeiro, depois de seu sacrifício não há mais a necessidade de outros sacrifícios a Deus. Pois ele era o filho de Deus, e deu a sua vida para salvar a todos os que creem.

A imagem do cordeiro tem algumas semelhanças com o próprio Jesus. Em primeiro lugar o cordeiro é um animal manso, e Jesus sempre teve a natureza mansa. Em seu espírito de humildade, Jesus personifica o cordeiro. Além da mansidão, o cordeiro também simboliza a pureza. Cristo, o Cordeiro de Deus, anunciado por João possui essas qualidades. E por fim, a mais forte semelhança se dá na forma como Cristo morreu. O cordeiro nascia para passar pela morte sacrificial. Desde Abel, que ofereceu as primícias do rebanho (Gn 4.2-4). Também em números 28 e 29, são apresentados muitos cordeiros para serem sacrificados. E, na plenitude dos tempos, Deus providencia um sacrifício melhor, sem mancha e sem defeito. Deus, em sua infinita sabedoria, fez desse grande, último e definitivo sacrifício uma fonte ininterrupta de redenção, da qual também cada um de nós pode participar ainda hoje ao clamar: “Aí está o Cordeiro de Deus”.

Para um povo que estava acostumado a agir para sua salvação, oferecendo parte de si, a mensagem evangélica transforma toda essa realidade, faz uma verdadeira reviravolta na vida de fé daquelas pessoas. Agora não é mais preciso sangue de animais, mas o sangue de Cristo, derramado na cruz, que purifica os pecadores.

Lutero escreveu certa vez sobre essa obra salvadora de Deus por nós, em suas palavras ele nos diz:
“Tais obras beneficentes de Deus poderiam provocar-nos para amar e louvar a Deus e celebrar este serviço em música, sermão e ao falar. Deve também levar-nos a morrer voluntariamente e permanecer alegre em todos os sofrimentos. Porque como é incrível que o Filho de Deus se torne o meu servo, que ele se humilhe, que ele cubra a si mesmo com a minha miséria e pecado, sim, com o pecado e a morte de todo o mundo! Ele diz para mim: “Você não é mais um pecador, mas eu sou. Eu sou o seu substituto. Você não tem pecado, mas eu tenho. O mundo inteiro está em pecado. No entanto, você não está em pecado, mas eu estou. Todos os seus pecados estão colocados sobre mim e não sobre você.” Ninguém pode compreender isso. Na vida eterna os nossos olhos festejarão para sempre este amor de Deus. E quem não alegremente morreria por causa de Cristo? O Filho do Homem realizou o trabalho mais sujo e vil. Ele não colocou roupas rasgadas de algum mendigo ou calças velhas, nem Ele nos lavou como uma mãe lava uma criança; mas Ele tomou o nosso pecado, a morte e o inferno, a nossa miséria de corpo e alma. Sempre que o diabo declara: Você é um pecador! Interpõe Cristo: Eu vou inverter a ordem, Eu serei um pecador, e você estará livre Quem pode agradecer ao nosso Deus o suficiente por esta misericórdia?”

Hoje em dia muitas pessoas buscam oferecer sacrifícios a Deus na tentativa de encontrar paz espiritual. Mas a verdade é que não há nada que possamos oferecer a Deus que venha a nos purificar, a nos trazer paz com Deus, pois ele já fez isso por nós. O que nos cabe é crer nessa verdade de todo o coração e viver em paz. Amém.

HINO
198 – HPD 1 – Oh, bem cego eu andei

CONFISSÃO DE FÉ
A partir da palavra pregada, recebida por nós com devoção, vamos confessar nossa fé no Tríno Deus, Pai, Filho e Espírito Santo através do Credo Apostólico...

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
455 – HPD 2 – Cada dia o dia inteiro


ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________

Bom Deus, te agradecemos por estarmos aqui reunidos e reunidas como comunidade cristã. Te agradecemos por todo o teu amor e cuidado para conosco, e por tantas bênçãos que nos concede em nossas vidas. Te agradecemos por esse amor revelado em Jesus Cristo, o Cordeiro que nos purifcou, obrigado por nos acolheres em teus braços e nos abraçares assim como somos.
Senhor, intercedemos em favor das pessoas que necessitam de cuidado. Há muitas pessoas à espera de um abraço, pois se encontram enlutadas, doentes, solitárias, sem esperança. Tem compaixão delas. Oramos por todas as igrejas cristãs para que teu evangelho seja pregado corretamente, proclamando paz, reconciliação e cuidado para com toda a tua criação. Oramos por todas as autoridades para que possam governar com sabedoria, honestidade, cuidado e justiça e assim amenizar as diferenças sociais e econômicas. Senhor, colocamo-nos a teu dispor para, com o auxílio de teu Santo Espírito, proclamar uma nova forma de viver, baseada no amor e no cuidado e isso tudo entregamos em tuas mãos ao orarmos assim...
PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Que o caminho seja brando a teus pés, o vento sopre leve em teus ombros.
Que o sol brilhe cálido sobre tua face, as chuvas caiam serenas em teus campos.
E até que eu de novo te veja, Deus te guarde na palma de sua mão.
Assim vos abençoe o Deus que é Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

ENVIO
Vão na paz de Deus, servindo-o em alegria e gratidão. Abençoada semana a tod@s.
CANTO FINAL
118 – HPD 1 – Deus vos guarde
 


Autor(a): Pa. Daiane M. Baade
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Natureza do Domingo: Epifania
Perfil do Domingo: 2º Domingo após Epifania
Testamento: Novo / Livro: João / Capitulo: 1 / Versículo Inicial: 29 / Versículo Final: 42
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2017
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 40727
REDE DE RECURSOS
+
Façam todo o possível para juntar a bondade à fé que vocês têm. À bondade, juntem o conhecimento e, ao conhecimento, o domínio próprio. Ao domínio próprio, juntem a perseverança e, à perseverança, a devoção a Deus. A essa devoção, juntem a amizade cristã e, à amizade cristã, juntem o amor.
2Pedro 1.5-7
© Copyright 2017 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br