Desvendando segredos...

09/02/2018

Recém-formado em Teologia, a igreja me enviou para servir no interior de Santa Catarina. Jovem pastor em paróquia nova. Não conhecia a localidade, nem as pessoas e suas tradições... A presidente da paróquia me aconselhou: Você quer saber um pouco da história daqui? Você quer saber quem é quem? Converse com o Bubi! Naquela manhã, entre um chimarrão e outro, iniciou-se uma amizade que durou muito anos e permanece ainda hoje com seus descendentes. Bubi me trouxe dicas importantíssimas que me ajudaram a lidar com situações e pessoas. Ensinou-me a perceber que, em determinada localidade, todas as pessoas são ligadas entre si, seja pelo sangue, ou por amizade (também, inimizade), ou por profissão. É sábio o ditado que diz que Deus nos criou com dois olhos, dois ouvidos e uma boca. Antes de qualquer expressão ou atitude é necessário prestar muita atenção. Convém lembrar também que Jesus era “mestre” em fazer perguntas. Então, lá estava eu, diante do velho Bubi, com minhas perguntas, ouvindo histórias e experiências. Com certeza, ele e sua esposa Gertrudes marcaram a minha carreira ministerial. Como diz Jesus... Aquele que tem ouvidos para ouvir, que ouça (Mateus 11.15), principalmente os mais idosos e experientes.


Autor(a): P. Euclécio Schieck
Âmbito: IECLB / Sinodo: Norte Catarinense / Paróquia: Garuva-SC (Martinho Lutero)
Área: Confessionalidade / Nível: Confessionalidade - Prédicas e Meditações
Testamento: Novo / Livro: Mateus / Capitulo: 11 / Versículo Inicial: 15
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 45803
REDE DE RECURSOS
+
Um cristão é um ser alegre, mesmo que passe pelo maior desgosto, pois o seu coração se alegra em Deus.
Martim Lutero
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br