Dar e receber!

11/07/2018

Os dois mares... Na Palestina, terra de Jesus, existe dois mares. O Mar da Galileia contém água doce. Em suas águas abundam peixes. Em sua volta há campos e bosques, os quais enfeitam suas margens. As raízes avançam sedentas para beber as águas saudáveis. O Mestre amava este mar. Ali contou parábolas. Também alimentou muitas pessoas com apenas alguns pães e peixes. O rio Jordão deságua nesse mar. Mais ao sul, há o Mar Morto. Não há movimento de peixes. Não há sussurro de folhas. Não há canto de pássaros. De suas águas, pessoas ou animais não bebem. A que se deve essa enorme diferença entre os dois mares, tão próximos? Não se deve ao rio Jordão, pois suas águas são lançadas, tanto num, quanto no outro mar. Muito menos, o problema está nas terras que os circundam. Eis a grande diferença: O Mar da Galileia recebe as águas do rio... Mas, não as retém em seu poder. Para cada porção que entra outra também sai. O dar e receber se cumprem ali em idêntica medida. O outro mar é egoísta. Ele retém o que recebe. Cada gota que cai é gota que ali fica. O Mar da Galileia dá e vive. O outro não dá nada. Por isso, é chamado de mar “Morto”. Assim também há duas classes de pessoas no mundo: Aquelas que recebem e repartem. Aquelas que recebem e apenas acumulam. A qual classe você pertence? Jesus disse: Mais bem-aventurado é dar do que receber (Atos 20.35).


Autor(a): P. Euclécio Schieck
Âmbito: IECLB / Sinodo: Norte Catarinense / Paróquia: Garuva-SC (Martinho Lutero)
Testamento: Novo / Livro: Atos / Capitulo: 20 / Versículo Inicial: 35
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 47941
REDE DE RECURSOS
+
Quem persiste na fé, verá, ao final, que Deus não abandona os seus.
Martim Lutero
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br